Recomendação: Puella Magi Madoka Magica!

Aparece de repente na vida de Madoka uma menina estudiosa, bela, perfeita e misteriosa, a aluna nova Homura Akemi!
Que na verdade já a encontrou em um sonho…né?! E ainda, ela também deixa a entender que a sensação é mútua!
Vocês duas são aquilo, conectadas por vidas passadas…
Isso é o mistério do universo!
(Sayaka, pag 23-24. Volume 1).

E é assim que as aventuras das garotas mágicas começam no mundo de Puella Magi Madoka Magica. A recomendação de hoje é a minha leitura de ontem do mangá de nome citado anteriormente. Antes de começar com o roteiro e outras coisas, vamos ler essa recomendação e não esperar que seja igual ao anime. Pra quem não sabe, o anime é a obra original e esse mangá é inspirado (atenção pra palavra) no roteiro original. O mangaká, no entanto, tomou a liberdade de interpretar vários momentos da história de modo diferente, do modo como ele viu melhor, mas nem por isso Madoka perdeu qualquer ponto em quesito algum por isso. Como o mangaká não tinha muitas páginas, ele mesmo explica no posfácio do volume três que as lutas não puderam ser tão detalhadas quanto no anime, mas eu as achei satisfatórias, ao contrário do mangaká que só ficou mais satisfeito quando ganhou um pouco mais de páginas no volume três mesmo.

Título: Puella Magi Madoka Magica!
Gênero: Mahou shoujo, drama, aventura
Volumes: 3.
Preço: R$ 12,00
Autor: Magica Quartet
Artista: HANOKAGE
Ano: 2011
Editora: Houbunsha, serializado na Manga Time Kirara Forward
Publicado no Brasil? Sim, pela editora NewPop

puella_magi_madoka_magica001-09

Aquela impressão de que te vi em meus sonhos

Começamos a história desse mangá bem como o anime começa. Uma nova aluna chega na turma da protagonista Madoka e age como se a conhecesse, lhe dando um aviso importante que deve pensar bem em suas escolhas ou todos que ama vão sofrer.

O volume um segue bem o anime até, com algumas diferenças da quantidade de detalhes em combate, e outra coisa que eu reparei logo de cara.

A Madoka não tem muito destaque, exceto por umas falas irritantes devida a sua inocência no meio disso, durante o volume 1 a Madoka é só uma espectadora que nem entende a realidade que se formou a sua volta. Ao contrário do que se nota no anime, pelo menos no começo, temos aquele clima levemente mais animado, com as cores fortes e claras, no mangá é observado que tudo é escuro e tenso a todo momento.

A maioria dos fatos permanecem os mesmos, mas os mesmos eventos são afetados profundamente pelo tipo de clima que o autor deu ao mangá desde o começo ao fim, por isso quando vocês lerem esse mangá, mesmo ele não sendo muito distante do anime, vai lhes mostrar outra ideia da mesma história.

puella_magi_madoka_magica003-27

A canção de Sayaka: A paixão que amaldiçoa o mundo

Depois da morte de Mami no volume um, as coisas ficam mais obscuras ainda e uma nova garota mágica entra em cena, a Kyoko Sakura. Kyoko parece estar se divertindo dentro dessa realidade doentia e distorcida que começa a se desenrolar para as garotas. Notamos que Kyubei começa a ficar incomodado por não conseguir persuadir Madoka e fazer um contrato com ela, por causa da Homura Akemi.

Madoka já começa a ter uma participação mais ativa depois do choque da morte de Mami. Ela decide que ela tem medo demais de se tornar uma garota mágica e decide que como ela é uma inútil que não pode –e não quer- lutar contra bruxas, ela vai ajudar suas amigas de outro jeito, mas ela continua insistindo em acompanhar as caçadas, pra dar puramente apoio moral. Sua visão da situação toda, no entanto, é bem infantil ainda, mas isso é um pouco quebrado no momento em que Sayaka, que se tornou uma garota mágica desejando que Kyosuke Kamijo seja curado, luta até a morte com Kyoko, por território. Apesar das garotas ainda não entenderem a moral da soul gem e das grief seeds (nomes mantidos em inglês no mangá), elas já sabem em algum canto de seu ser que precisam disso e vão lutar por isso mesmo que tenham que matar outras garotas mágicas. Madoka insiste que elas deviam conversar e tentar ser amigas…então ainda falta um pouco para ela estar “no ponto”.

Enquanto isso, Homura observa as reações de Madoka e Kyubei e tenta impedir a todo custo que ela forme um contrato, o que faz com que as outras garotas se virem contra ela, entendendo mal as suas ações que se tornam cada vez mais desesperadas…e fadadas a falha.

puella_magi_madoka_magica005-05

Enquanto Sayaka está cega pelo seu objetivo nobre como garota mágica, e ao mesmo tempo notando que Kamijo se distanciou completamente dela, Kyoko é a primeira que começa a entender o que realmente é ser uma garota mágica, para logo depois descobrirem que a Soul Gem é o recipiente da alma das garotas e que longe delas, seus corpos não tem vida alguma. É aí que a trama de Sayaka que já não andava bem começa a afundar de vez. As palavras de Kyoko sobre como cada desejo tem um lado igualmente poderoso e negativo para que o equilibrio do mundo se mantenha, fazem Sayaka entender como tudo isso funciona e ela então compreende o seu destino final.

O que eu gostei bastante da parte da Sayaka, é que ela teve mais sentido que no anime (minha opinião, lembre-se disso!), mas enquanto no anime a Sayaka desistiu da vida e se entregou ao desespero e tristeza e por fim virou bruxa, a Sayaka do mangá entendeu que o seu desejo só poderia acabar assim, é aquele velho dito “Uma vida, por outra”, é o jeito mais simples que eu posso explicar pra vocês. Nesse mangá, ela cumpriu seu objetivo, mas notou que seu destino não era o violinista, que ela não o amava de “querer casar” e sim amava ele de um jeito que queria ver ele tocando violino e sendo feliz de novo, ao invés de preso em uma cama se odiando dia e noite. Acredito que todos vocês leitores sabem, que existem muitas formas de amor no mundo, talvez um número infinito delas.

Depois de cometer um assassinato bruto guiada pela sua vontade cega, Sayaka se torna uma bruxa e Kyubei é desmascarado por Homura para nós leitores, assim ele deixa de fazer expressões bonitinhas de bichinho fofo e assume sua real forma de incubator.

Aqui nesse país, eles chamam as mulheres em crescimento de…” garotas”, não é? Então…Não tem problema chamar vocês, que irão se tornar “bruxas” … de “garotas mágicas”, não é? (Incubator, fim do volume dois).

puella_magi_madoka_magica009-13

Não vou mais acreditar em ninguém: O desejo que não pode ser realizado.

…Homura-chan.
Foi muito legal virar sua amiga. Eu tenho muito orgulho, sabe? De ter lhe salvado. Eu senti que valeu a pena virar uma garota mágica!
Adeus, Homura-chan.
(Madoka, capitulo 10, volume 3).

Mais obscuro, mais infeliz, mas nem por isso menos mágico. É assim que começa o fim dessa maravilhosa obra! Depois que Kyoko e Sayaka morrem, só resta Homura e Madoka para lutar contra a Walpurgisnacht, a bruxa mais poderosa do mundo, que surge de lugar nenhum e sempre mata as nossas garotas mágicas conhecidas. É esse o fim de Madoka, e o ponto de partida de Homura.

Salvar a Madoka foi o desejo que tornou Homura uma garota mágica pra tentar impedir que ela forme um contrato com Kyubei e acabe morrendo ou até mesmo derrotando a Walpurgisnacht, e depois se tornando a bruxa mais poderosa. Homura sacrifica sua alma e se entrega ao incubator pela sua única amiga, seu amor mais profundo.

Quando fazemos desejos, temos que ter cuidado, não é uma brincadeira…garotas mágicas eram apenas um nome fantasia que o incubator dava as garotas, pra usar sua energia para seu povo.

puella_magi_madoka_magica010-21

Quando tudo chega ao fim, ao momento que Homura volta no tempo, Madoka finalmente tem o seu ‘momento de brilhar’. A menininha boba, inocente e meio irritante que ficou apenas observando, toma sua decisão.

Madoka foi a única poupada por Homura e outras chances do “acaso”, e foi a única que pensou cuidadosamente no seu desejo depois de presenciar tudo que o incubator criou e onde foi que o plano de seu povo levou não só suas amigas, mas inúmeras garotas. Foi ela e mais ninguém que descobriu o único modo correto de se fazer pedidos para um ser que de sentimentos não entende nada, e não poderia ligar menos. O momento do desejo da Madoka depois de todas as linhas temporais é o momento chave da história toda, e apesar de Homura considerar isso uma falha, tudo acontece. Madoka vira a garota mágica mais poderosa e derrota a bruxa mais poderosa…mas ao invés de se tornar a nova bruxa mais poderosa, graças a suas palavras em seu desejo, Madoka se torna um Deus e transforma todo o desespero criado pelas garotas mágicas prestes a virarem bruxas e as bruxas também…em esperança. O seu desejo parece resolver o problema todo, exceto para Homura, já que Madoka se torna apenas um conceito, uma existência sem forma física, portanto, eu considero que por isso e outros fatores o desejo da Homura é o único que não se realiza. Não foi ela que salvou Madoka, apesar dos seus esforços levarem tudo a um caminho muito mais alegre para quase todos, Madoka que se sacrificou pelo mundo, se apagando dali e modificando tudo.

puella_magi_madoka_magica009-20

Depois do posfácio do autor, vemos que o mundo existe maravilhosamente sem Madoka, mas graças a ela. Homura está lá e as outras também, mas ninguém exceto Homura se lembra que existiu alguém chamado Madoka e tudo que ela fez. Apesar das soul gems serem purificadas e desaparecerem antes das garotas virarem bruxas, ainda existem áreas cheias de arrependimento e desespero, o que deu um novo rumo ao trabalho de garota mágica com Kyubei auxiliando elas, agora um ser parte de uma raça que escolheu uma abordagem completamente diferente para conseguir a preciosa energia que precisa.

Homura continua a lutar, tanto para nunca esquecer Madoka, quanto para limpar essas áreas, com um arco negro, os laços de Madoka em seus cabelos e apenas lembranças aquecendo seu coração.

Esse é o fim de Puella Magi Madoka Magica, ou pelo menos, o fim do mangá. Quem quiser pode tranquilamente assistir os filmes de Madoka Magica depois de ler o mangá, mesmo sem ter visto o anime, pois os dois primeiros filmes cobrem o anime com um toque mais legal até.

Se vocês chegaram a mesma conclusão que eu, vão entender que o mangá e o anime foi apenas o começo…o desejo de Homura é incrivelmente forte e não importa como, ela quer ‘salvar a Madoka’.

 ★★★

Brevemente falando no quesito traço eu diria que ficou muito bom, não ficou distante do anime e ainda assim tem uma diferença que me agradou bastante, não sou muito de ligar para o traço.

O único problema que eu vi aqui no que cabe ao trabalho de revisão foi que…não teve muito. Alguns erros bem básicos passaram reto e algumas frases também não tiveram muito nexo por falta de palavras mesmo, mas a newpop atualmente já está com uma revisão um pouco melhor. Em alguns momentos o mangá ficou adaptado demais, eu achei que perdeu um pouquinho da magia que envolve o leitor…e tem uma falha que eu não posso perdoar da Kyoko, onde ela diz “Who the fuck do you think you are?!” e no nosso mangá está “Quem porra você pensa que é?!” sinto muito, mas…vamos melhorar isso aí hein?! O vocabulário da Kyoko foi amenizado e ficou bem ruim, pra mim é muito prejudicial quando fazem esse tipo de coisa, estraga a personalidade do personagem.

Onde ler?

Se não pode comprar, então pode ficar tranquilo e ler aqui na central de mangás: http://centraldemangas.org/mangas/info/puella-magi-madoka-magica

Se quiser comprar, pode fazer isso pela Loja Jambô ou livrarias e outras lojas especializadas!

Site da Jambô: https://lojajambo.com.br/secao/mangas/madoka-magica/

Gostou da recomendação? Compartilhe, curta, faça de tudo…menos um contrato com o Kyubei, por favor!

Anúncios
Esse post foi publicado em mangá, Resenha e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Recomendação: Puella Magi Madoka Magica!

  1. Pingback: Resenha: Puella Magi ☆Kazumi Magica – A malícia inocente | Hora do mangá!

  2. Pingback: Resenha: Puella Magi Oriko ☆ Magica | Hora do mangá!

  3. Pingback: Resenha: Puella Magi ?Kazumi Magica – A malícia inocente – Rede Tsuzuku

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s