Resenha: Mousou Telepathy

Oi, pessoal! Como estão meus devoradores? Mais uma resenha bem no dia correto, né? Daqui pra frente pode ser que eu atrase um pouco as resenhas por conta de um curso extra que estou fazendo junto com a faculdade, mas vou tentar não atrasar!

Essa semana cheguei ao capítulo atual de outro mangá 4-koma! E sim, outro com romance e comédia pra caramba! Essa semana eu vou falar sobre Mousou Telepathy e espero que vocês se interessem e deem uma conferida!

Informações

Título original: 妄想テレパシー
Tipo: Mangá 4-koma
Volumes e capítulos: 3 volumes, 416 capítulos em webcomic
Status: Andamento (tanto os volumes quanto o webcomic)
Autor: NOBEL
Ilustração: NOBEL
Ano: 2016
Editora japonesa: Kodansha
Serializado em: Twi 4
Gêneros: Comédia, drama, ecchi, romance escolar, sobrenatural

Sinopse

Nakano-san é a estudante mais comum do mundo e muitos a consideram até esquisita por estar sempre quieta no seu canto e não ter muitos atrativos, além de 0 amigos, mas Nakako-san tem um ótimo motivo para ser tão reclusa assim: ela consegue ouvir os pensamentos de todas as pessoas ao seu redor! Já imaginou ter que viver com isso?! Além disso, o garoto que senta na sua frente, Toda-kun, é um pervertido que quer f***, digo, namorar com ela!

[• • •]

Paixões, amizades e leitura de mentes

Mousou Telepathy oferece uma gama de temáticas misturadas que poderia dar terrivelmente errado, mas sua receita é equilibrada, podendo gerar mesmo é um ataque de risos no leitor. O autor utiliza de uma trama muito comum e simples: um garoto se apaixona por uma garota, amizades se criam e terminam enquanto todos passam o fim de sua época escolar com muitas dúvidas e esperanças! Até aí é nossa história de todo dia, nosso arroz com feijão, mas o que nos espera na curva é um garoto totalmente sem expressão que apesar de bonito, não é muito compreendido, uma garota que nem liga para ser compreendida e pode ouvir os pensamentos de todo mundo, tentando agradar aqui e ali como pode e negligenciando a si mesma, uma baixinha sem peito algum que tem uma autoconfiança menor que sua estatura e um cara muito tranquilão pra amenizar tudo isso! Sim, esse é o nosso grupo de personagens.

No começo, Nakano Ayako está em sua zona de conforto sem nem perceber que aquilo não era realmente o que lhe fazia feliz. Ela continuava aceitando tarefas e fazendo escolhas de acordo com o que as outras pessoas pensavam e ocasionalmente ainda tinha que lidar com as fantasias selvagens do seu colega de classe, que está realmente apaixonado por ela. Logo uma rival aparece, mas as coisas tomam um rumo completamente diferente!

Com bastante comédia, mas dramas respeitáveis também, Mousou é uma história cativante, que deixa o leitor ansioso por mais. Ao contrário do que se pode pensar, ler mentes é uma coisa bem perturbadora que só serviu para isolar nossa protagonista e ainda depois de se enturmar com alguns outros colegas, ela não consegue pensar que tem sequer direito de decidir as coisas simplesmente por querer e acredito que essa é uma lição muito boa para se levar. Mesmo que você tenha consideração pelos outros, nada em desamia faz bem, não é mesmo?

Aos que procuram exatamente esse tipo de história onde rimos e podemos aprender a entender nós mesmos e os outros ao nosso redor, pode ir correndo ler!

Para encerrarmos, da parte técnica da história eu fiquei tremendamente satisfatória. Claro que o traço levemente descompromissado pode desagradar o leitor, mas tente passar além disso e encontrará o que faz os personagens cativantes! Eles são todos bem desenvolvidos, ricos em informação e devidamente construídos para evoluir, até mesmo aqueles que ficam bem de fundo entre o grupo central da história. Você vai conhecer os medos e os anseios de todos eles e observar do ponto de vista de Nakano, ou seja, aquele comportamento externo para lidar com as interações sociais diárias e também os pensamentos dessas pessoas em diversas situações com as quais o leitor pode se identificar, mostrando o verdadeiro eu de cada um, incluindo pessoas de fora daquele círculo principal.

Sendo um 4-koma, a leitura é rápida e mesmo devorando de trinta a quarenta tirinhas por dia, não senti que ficou uma leitura pesada, mesmo oferecendo diversas reflexões que podem ficar rodando na nossa cabeça.

Quero dar destaque para a coloração do quadrinho, que ficou fantástica. Apesar de ter ilustrações totalmente coloridas, geralmente os personagens e suas falas são preto e branco, mas os pensamentos vem em diversas cores e aí acredito que o autor utilizou um pouco do significado das cores para os sentimentos do que as pessoas estão pensando e achei absolutamente incrível, bem diferente e muito chamativo! Além de nos dar ideia do sentimento do momento também nos mostra que os pensamentos são muito claros e claramente atrapalham Ayako.

Dito isso, vou continuar acompanhando esse mangá até a sua conclusão! O lado bom de 4-komas é que cada tirinha sai muito rápido e apesar de ter apenas 4 painéis em cada página, tem muita história na maioria, mesmo sem ter uma tonelada de falas!

[• • •]

Onde ler?

Claro que vou deixar para vocês link para poderem aproveitar essa obra!

Leia aqui em Inglês

Infelizmente não consegui encontrar qualquer lugar com esse mangá em português do Brasil ou de Portugal, mas caso você aí saiba de algum lugar, não hesite em comentar!

Espero que tenham uma ótima semana e vejo vocês na próxima quarta, devoradores!

Anúncios
Esse post foi publicado em mangá, Resenha, webcomic e marcado , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Resenha: Mousou Telepathy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s